Eleitas comissões para 2021-2022

por Claudia Geisler publicado 04/02/2021 16h45, última modificação 04/02/2021 17h10
Líderes de bancada foram indicados durante sessão

Está definida a composição das comissões da Câmara de Castro para o biênio 2021-2022. A chapa Eny Beck foi aprovada por unanimidade de votos e empossada pelo vereador presidente, Neto Fadel (Patriota), durante a sessão ordinária realizada na tarde de ontem, 03 de fevereiro, a primeira sessão da atual legislatura.

A chapa eleita, única inscrita, apresentou composição para as seis comissões permanentes e para a comissão de Ética e Decoro Parlamentar, indicando três vereadores para formar cada uma, bem como os respectivos presidentes, secretários e membros. Dentre as comissões, destaca-se a de Constituição e Justiça que analisa a constitucionalidade de todos os projetos que tramitam no legislativo. Os trabalhos da CCJ, como é chamada, ficaram sob responsabilidade dos vereadores reeleitos Gerson Sutil (PSC), José Nocera (Patriota) e Joel Fadel (Patriota).

Outra importante comissão, a de Finanças e Orçamento, será dirigida pelo vereador José Nocera, com apoio de Joel Antônio de Souza (PSC) e Jhonnathan Flugel (Podemos). As demais comissões assim serão compostas: Desenvolvimento Urbano terá Joel Antônio de Souza, Jovenil Rodrigues (Podemos) e Cezar do Povo (DEM); Saúde e Assistência Social contará com Professor Jonathan (PSC), Guto Beck (PP) e Paulinho Farias (PSD); Educação, Esportes e Cultura ficou composta por Professor Jonathan, Rafael Rabbers (PTC) e Guto Beck; Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente será formada por Gerson Sutil, Guto Beck e Maurício Kusdra (PSB); e, por fim, a comissão de Ética e Decoro Parlamentar constituída por José Nocera,  Jhonnathan Flugel e Joel Fadel.

O presidente Neto Fadel realça a importância das comissões para o funcionamento da Câmara, cuja finalidade é examinar as matérias e emitir pareceres a respeito dos assuntos submetidos ao seu exame. “Agora que foram eleitas, solicitei que comuniquem a secretaria sobre a data e hora de suas reuniões e já encaminhei os projetos de lei nº 01 e 02/21 para emissão dos pareceres”, comenta.

Conforme determina o Regimento Interno as comissões são eleitas para o prazo de dois anos e não é permitida a recondução de seus membros. A norma assegura a representação proporcional dos partidos que participem da Câmara nas comissões e que cada vereador, com exceção do presidente, participe de ao menos uma comissão.

Líderes de bancada- A sessão também foi marcada pela indicação dos vereadores que serão os líderes de seus partidos na Câmara. O Patriota será representado pelo vereador Joel Fadel, o PSC por Professor Jonathan, Podemos por Jovenil Rodrigues, o DEM por Cezar do Povo, o PP por Guto Beck, o PSB por Maurício Kusdra, o PSD por Paulinho Farias e o PTC por Rafael Rabbers.

Requerimentos- Em discussão e votação única os parlamentares analisaram diversos requerimentos, ao todo 16. Dentre os pedidos de informação constam os questionamentos quanto a viabilidade de reabrir o restaurante popular, a possibilidade de trazer universidade pública para Castro e de realizar a pavimentação asfáltica na Vila do Socavão. Os pedidos aprovados seguem para os órgãos competentes prestarem os devidos esclarecimentos.